Tecnologia do Blogger.
RSS

Sobre mim

Falando sobre educação!

Você!? É você mesmo! Por acaso, você já pensou em terminar seu curso e prestar serviços sociais, trabalhar de graça durante seis meses? Não! Então, Vá se preparando porque se for aprovado o projeto de lei do Deputado Federal Rubens Bueno (PPS - PR). Vamos ter que prestar serviços como forma de compensar aos cofres públicos, o privilégio de estudar gratuitamente nas melhores instituições de ensino superior. Segundo ele isso irá diminuir a desigualdade na sociedade, já que pessoas carentes poderão ter acesso aos diversos serviços disponibilizados pelo governo. Até esse ponto, tudo bem! Acho que ninguém se importaria. Pelo menos eu não.
Ah! Se não fossem os interesses, por trás de tudo isso. Ahhhh. Você sabia que a meta do Ministério é reduzir os gastos com estudantes univesitários de R$ 15.118,04 para R$ 9.403,90 por ano?Que o governo emprega cerca de 3% a 7% do PIB (Produto Interno Bruto), na educação, isso incluindo ensino básico e superior? E que 3% da nossa população entre 18 e 24 anos cursam o ensino superior? Pois é!
Agora, aposto que você sabia! Que em alguns estados como o Piauí (apenas, exemplificando), chega-se a gastar com presidiários, o dobro do que se gasta com estudantes? Confiram esses números, um estudante da Universidade Federal do Piauí custa aos cofres do governo R$ 11.000,00 por ano. Enquanto, um detento gasta R$ 21.000,00 por ano.
Será, que é isso mesmo!? Será que estou louca? Essas contas estão certas? Quer dizer que, reduzir os investimentos na educação pode!? Sinceramente, eu lamento que existam pensamentos dessa espécie no comando do Brasil. Será que a maioria dos nossos deputados, são hipócritas a ponto de pensar que isso seja o melhor. É! A maioria porque não posso crer que todos pensam assim. Sempre estudei, em escola pública e sei o quanto educação básica é carente. Hoje, estudo em uma universidade pública. Olha! Eu não mudaria o adjetivo que empreguei para educação básica.
Creio que o governo, deve repensar estas questões. Creio, ainda, que congelar os salários dos professores, reduzir o número de bolsas e o gasto com estudantes seja a melhor solução. Ao deputado que propôs que os estudantes recém-formados devam prestar serviços sociais. Gostaria de saber, a quantas anda o projeto que prevê que os filhos de políticos estudem em escolas públicas, básica ou superior? Faça-me rir, deputados! Acredito, que a via seja dupla!

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

1 comentários:

Fábio Silva disse...

É constrangedor saber que o ensino público no Brasil - um pais que almeja um crescimento internacional - não é tão valorizada quanto deveria ser. É precario e ainda querem reduzir os gastos com a educação!?! piada...

Postar um comentário